Current track

Title

Artist

Background

Presidente da SCM: Morna “tem todos os ingredientes” para ser Património Imaterial da Humanidade

Written by on 22/05/2016

A presidente da Sociedade Cabo-verdiana de Música (SCM), Solange Cesarovna, disse hoje estar convicta de que a morna tem “todos os ingredientes necessários” para ser Património Imaterial da Humanidade.

Nas vésperas do dia em que o ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente, procede à entrega em Paris (França) do dossiê técnico de candidatura da morna na Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura  (UNESCO), a Inforpress conversou com a presidente da SCM, entidade que apoiou a candidatura.

A Sociedade Cabo-verdiana de Música deu o seu contributo no dossiê com uma declaração formal, mas também, segundo a sua presidente, todos os sócios e fundadores da SCM, que são compositores, intérpretes, executantes de diversas ilhas de Cabo Verde, apoiaram com a declaração expressa.

Solange Cesarovna mostra-se convicta de que a morna, como um dos factores que contribuiu para a “internacionalização da música de Cabo Verde”, através da cantora Cesária Évora, tem “todos os ingredientes” para ser património cultural e imaterial da humanidade.

“É sem dúvida a morna um espelho do que vai na alma do povo cabo-verdiano e é um género que conseguiu unir Cabo Verde e a sua diáspora e transportar a cabo-verdianidade, o sentimento e a particularidade do povo cabo-verdiano, através das suas poesias e da sua melodia única que aqui em Cabo Verde conseguimos reproduzir através da morna”, afirmou.

Mesmo após a entrega da candidatura prometeu continuar a colaborar durante este ano e meio que é o tempo de salvaguarda da decisão, até Dezembro de 2019, para que de facto tal se transforme em realidade.

“Estamos convictos de que é uma ação meritória e que todos nós temos que abraçar esta causa”, enfatizou.

A entrega formal do dossiê de candidatura da morna a património imaterial da humanidade ocorre esta segunda-feira, 26, pelas 17:00 (15:00 de Cabo Verde), em Paris (França).


Opiniões dos Leitores

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco *