‘Bigodix à Chalanix’? Águia ofereceu 10 golos e pica liderança

Written by on 11/02/2019

O Benfica goleou o Nacional por 10-0, em jogo a contar para a 21.ª jornada do campeonato nacional.

O Benfica decidiu dedicar o jogo de domingo à sua história e acabou mesmo por… fazer história. Antes do apito inicial, o Estádio da Luz ‘vestiu-se’ a rigor para celebrar o 60.º aniversário de Fernando Chalana, sem saber, ainda, qual seria o presente para o antigo jogador.

A receção ao Nacional foi mais do que uma festa e a equipa encarnada marcou não um, nem dois golos… Mas sim três golos, na primeira parte. Na segunda parte, seguiram-se mais sete e partida fechou com um 10-0 no marcador. 

No dia 10, um presente com… 10 golos 

O Benfica entrou em campo decidido em conquistar os três pontos, de forma a encurtar a distância para o líder FC Porto. E assim foi.

Sem vencer há cinco jogos – com quatro derrotas e um empate -, o Nacional chegou a casa da águia completamente desprevenido e sem ideias. Desligado, fora de cena e com uma defesa adormecida com anestesia geral.

Grimaldo marcou logo no primeiro minuto, sem dar tempo ao adversário para respirar. Vinte minutos depois foi a vez de Seferovic bisar (21′ e 27′) e colocar a equipa e vencer por 3-0, ao intervalo. 

No segundo tempo houve tempo para mais. Muito mais. A formação orientada por Costinha não respondia, não corria atrás da bola e os golos, esses, pareciam ketchup. João Félix assinou o 4-0 (50′), Pizzi converteu uma grande penalidade aos 54 minutos e Ferro marcou o 6-0 (55′).

Rúben Dias cabeceou para o sétimo, ao minuto 64′ e Jonas entrou a marcar (84′). Rafa assinalou o 9-0 e o brasileiro ainda teve tempo para um bis, em cima do minuto 90′. 

Uma vitória histórica para… os dois clubes 

O Benfica impôs a maior goleada da história do clube nos últimos 55 anos, no campeonato nacional. A última vez que o clube da Luz tinha vencido por um número tão expressivo tinha sido em 1964, contra o Seixal, também por 10-0.

Para além disso, os insulares nunca tinham sentido uma derrota tão pesada. A maior derrota do Nacional, até à presente jornada, tinha sido em 1939, para a Taça de Portugal, também com o Benfica, mas por 0-9. 

Com esta vitória, o Benfica soma 50 pontos, no segundo lugar da I Liga. Menos um ponto do que o líder FC Porto que empatou, esta jornada, com o Moreirense (1-1). 


Opiniões dos Leitores

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco *



Current track

Title

Artist

Background

LEITE CREMOSO BROLI

Pa um Dia cheio di  ENERGIA 
100% Leti puro di vaca di Holanda 
UM PRODUTO IMPORTEX