Current track

Title

Artist

Background

Combustiveis mais caros a partir da meia-noite

Written by on 01/03/2019

Os combustíveis vão ficar mais caros a partir da meia-noite de hoje com a actualização mensal dos preços divulgada pela Agência Reguladora Multissectorial da Economia (ARME), para vigorar durante o mês de Março.

Com os novos preços máximos dos combustíveis, a gasolina passa a ser vendida a 115,70 ECV/L, um aumento de 5,09 por cento (%), o gasóleo normal a 101,60 ECV/L, o gasóleo para electricidade a 86,40 ECV/L e o Gasóleo Marinha a 73,10 ECV/L, um aumento de 4,74%, 5,62% e 5,79%, respectivamente.

O petróleo passa a custar 87,40 ECV/L (mais 3,92%), o Fuelóleo 380 a 64,10 ECV/L e o Fuelóleo 180 a 69,46 ECV/L (mais 8,93% e 9,76%, respectivamente).

O Butano passa a ser vendido a granel por 130,30 ECV/kg (mais 7,15% que no mês passado), sendo que as garrafas de 03 Kg passam a custar 371,00 ECV, as de 6 kg custam agora 782,00 ECV, as de 12,5 kg passam a custar 1.628,00 ECV e as de 55 kg custam 7.165,00 ECV.

De acordo com o comunicado hoje emitido pela ARME, o mês de Fevereiro ficou marcado por uma tendência média de subida das cotações do petróleo, apesar das previsões de redução de crescimento nos indicadores dos níveis de actividade económica mundial, causado, sobretudo, pela indefinição sobre o Brexit e a falta de acordo comercial e aduaneiro entre os EUA e a China.

“Essa tendência média de subida foi resultante das sanções sobre as exportações do petróleo venezuelano, conjugado com a maior redução em dois anos na oferta da OPEP”, explica a ARME adiantando que é de ter em conta que esta subida de preços é motivada, igualmente, pela pressão em alta das cotações dos preços internacionais, as declarações de responsáveis sauditas, que reconfirmaram a continuação, para o segundo semestre do ano, da estratégia de corte da produção do crude e o facto do stock norte-americano de crude registar uma queda de 8,647 milhões de barris.

Os novos preços máximos de venda ao consumidor final dos combustíveis regulados passam a vigorar de 01 a 31 de Março de 2019.

Fonte: Sapo.cv


Opiniões dos Leitores

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco *