Foi confundido com atirador de El Paso. Afinal, ajudou a salvar crianças

Written by on 07/08/2019

Militar conta como reagiu quando ouviu disparos no supermercado onde tinha ido para comprar, apenas, uma camisola.

Omilitar Glen Oakley era uma das muitas pessoas que se encontravam dentro do Walmart de El Paso, no Texas, quando um homem armado irrompeu pelo estabelecimento comercial e matou 20 pessoas e feriu outras 26.

Assim que ouviu os disparos, o militar, que tinha consigo a sua arma, decidiu tirá-la. Contudo, quando viu várias crianças a correr, assustadas, e sem os pais por perto, decidiu que a sua prioridade deveria ser ajudar os mais novos.

Glen é já considerado um dos heróis daquele que é o pior massacre do ano nos EUA.  O homem tentou agarrar no máximo de crianças que conseguia e saiu do supermercado na sua companhia.

“Percorri o caminho até à saída [com as crianças] e quando cheguei ao exterior penso que um dos polícias achou que eu podia ser o atirador, pelo que lhe tive que mostrar a minha licença [de arma]”, conta, citado pelo Mirror.

O homem acrescenta, ainda, que uma criança entrou no Walmart momentos antes, dando conta da presença de um homem armado no parque de estacionamento so supermercado e que ninguém acreditou nas suas palavras. Só quando ouviram os disparos, é que perceberam que o perigo era real.

O ataque foi perpetrado por Patrick Crusius,  um homem causasiano de 21 anos, que terá publicado um manifesto  nas redes sociais a justificar o ataque. Este está a ser investigado comose tendo tratado de um “crime de ódio”.


Opiniões dos Leitores

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco *



Current track

Title

Artist

Background

LEITE CREMOSO BROLI

Pa um Dia cheio di  ENERGIA 
100% Leti puro di vaca di Holanda 
UM PRODUTO IMPORTEX