Current track

Title

Artist

Background

Incêndio consumiu pelo menos quatro hectares de terreno do Parque Natural de Monte Gordo

Written by on 16/03/2020

A diretora do Parque Natural de Monte Gordo revelou, ontem, em declarações à Inforpress, que o incêndio ocorrido este sábado, destruiu pelo menos quatro hectares de terreno e que já foi aberto um inquérito para apurar as causas.

Segundo Lindacy Oliveira, o incêndio foi verificado por volta das 16:00 de sábado, 14, e extinto por volta da 01:00 de domingo, tendo referido que para combater o fogo estiveram na local equipa de bombeiros da Ribeira Brava e Tarrafal (São Nicolau) e de Santo Antão, para além de militares de São Vicente, equipa da Delegação do Ministério da Agricultura, elementos da sociedade civil e empresas privadas, entre outras.

Entretanto, indicou que foram ainda encontradas no último reconhecimento feito, hoje, no local, pela equipa de militares e protecção civil, “algumas brasas” que foram apagadas anulando assim a probabilidade de qualquer reacendimento.

“De acordo com os primeiros levantamentos feitos, o incêndio devastou cerca de quatro hectares de terreno. Em relação a prejuízo, o incêndio deflagrou boa quantidade de eucalipto e espécie endémicas como tortolho”, afirmou, adiantando, no entanto, que a direcção vai fazer um trabalho detalhado para confirmar os prejuízos causados pelo incêndio.

Lindacy Oliveira, informou ainda, por outro lado, sem adiantar a data da conclusão do inquérito, que a partir desta segunda-feira serão conhecidas as medidas a serem implementadas, visando reforçar as acções da direcção do Parque Natural Monte Gordo que ajudem a prevenir tais situações.

O Parque Natural de Monte Gordo, com uma superfície de 952 hectares, situa-se na parte ocidental de São Nicolau, na divisão entre os municípios de Ribeira Brava e Tarrafal.

Dispondo de uma grande extensão de floresta, o Parque Natural Monte de Gordo foi eleito como uma das Sete Maravilhas de Cabo Verde.

De acordo com o seu Plano de Gestão, aprovado pelo Governo da República, representa a amostra “mais representativa” dos ecossistemas húmidos de montanha da ilha de São Nicolau e um dos “mais importantes” ecossistemas de agricultura de sequeiro de Cabo Verde.

Das espécies inventariadas na área, 28 são endémicas, e representam 34% das espécies encontradas na região, 44% das espécies endémicas estão na lista vermelha de São Nicolau e 30% na lista vermelha do arquipélago.

Fonte: Sapo.cv


Opiniões dos Leitores

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco *