Current track

Title

Artist

Background

Covid-19: Presidente da câmara municipal da Boa Vista defende levantamento do estado de emergência

Written by on 12/05/2020

O presidente da Câmara Municipal da Boa Vista é a favor do levantamento do estado de emergência em vigor nas ilhas da Boa Vista e Santiago, que termina no dia 14 de Maio.


O edil boavistense, José Luís Santos, manifestou hoje esta opinião à imprensa local, afirmando categoricamente que “se deve efectivamente terminar o estado de emergência na próxima quinta-feira, 14”.

“Boa Vista tem consolidado ganhos nos últimos dias, na luta contra o coronavírus. Contrariamente à última situação, hoje a nossa opinião é completamente favorável à suspensão do estado de emergência, porque efectivamente, nos últimos dias, temos tido resultados muito bons e positivos na luta”, considerou o edil, resguardando esta decisão ao Presidente da República a quem cabe decidir sobre a manutenção ou não do estado de emergência.

Para José Luís Santos, estão reunidas as condições para o levantamento do estado de emergência, para que “Boa Vista possa retomar o regresso paulatinamente à vida normal”.

Entretanto, o mesmo disse que se for essa a decisão do Presidente da República, isto é, levantar o estado de emergência, “é necessário alertar a população que isso não poderá significar o baixar da guarda”.

“Teremos que continuar a trabalhar, todos, e a contar com a colaboração da população, para, logo quanto for possível, erradicar esta pandemia na Boa Vista”, sugeriu o edil, destacando a ansiedade e avidez da população, para retomar, “na medida do possível”, as actividades nas diferentes áreas económicas-sociais, para que a ilha “continue seguramente a fazer o seu percurso de vida normal”.

O presidente da CMBV sustenta este possível término do estado de emergência nos dados sanitários, que apontam para melhorias. Repetiu, entretanto, relembrando “a necessidade que os boa-vistenses terão que ter em mente que ainda há um risco relevante de propagação da doença”, logo, frisou que “naturalmente, isto não poderá significar o fim do estado e situação sanitária”.

“Todos, inclusive a população, têm que colaborar e cumprir com as regras para que efectivamente possamos vencer esta pandemia, entrar na normalidade, para que se volte a viver tranquilamente e continuar a trabalhar na prosperidade do desenvolvimento da ilha da Boa Vista e de Cabo Verde”, concluiu o presidente da Câmara Municipal da Boa Vista, José Luís Santos.

O laboratório de virologia do Instituto Nacional da Saúde Pública anunciou mais sete casos da covid-19 registados nas últimas 24 horas, todos no concelho da Praia, elevando para 267 o total de pessoas infectadas com covid-19 no País e 58 recuperados.

Destes testados positivos, 197 estão no concelho da Praia (09 recuperados) 56 na ilha da Boa Vista (46 restaurados) três em São Vicente (todos recuperados) dois no Tarrafal de Santiago e dois no município de São Domingos.

O País regista também duas mortes, um turista inglês de 62 anos, na ilha da Boa Vista, e uma idosa de 92 anos na Cidade da Praia.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 282 mil mortos e infectou mais de 4,1 milhões de pessoas em 195 países e territórios. Mais de 1,3 milhões de doentes foram considerados curados.

Fonte: Sapo.cv


Opiniões dos Leitores

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco *