Current track

Title

Artist

Background

PAICV exorta Governo a parar qualquer ação que visa corromper o eleitorado

Written by on 22/10/2020

O PAICV exortou o Governo a cumprir o código eleitoral, parar toda e qualquer ação que vise corromper o eleitorado e deixar que o voto seja livre e conscientes nas autárquicas de 25 de Outubro.

Esta posição PAICV foi manifestada pelo seu coordenador nacional autárquico, Américo Nascimento, em conferência de imprensa, realizada na cidade da Praia.

Práticas que, segundo Américo Nascimento, têm originado um conjunto de queixas junto à Comissão Nacional de Eleições (CNE), que, conforme disse, está sendo obrigada a trabalhar dia e noite para produzir deliberações, “todas elas desautorizando o Governo e as várias candidaturas do MpD”.

A última situação, conforme relatou, diz respeito à “cena” que envolve o vice-presidente do MpD e ministro da Defesa e Negócios Estrangeiros, Luís Filipe Tavares, que, “em campanha eleitoral” no mercado de Sucupira, na cidade da Praia, “ofereceu 10 mil escudos a cerca de 1000 vendedores”.

Américo Nascimento afirmou ainda que o PAICV considera o episódio como “mais um caso de aproveitamento político, visto que, completou, “o subsídio de 10 mil escudos, aprovado pelo Governo, desde Março, no quadro do Estado de Emergência, foi guardado até agora para tirar dividendo político eleitoral”.


Opiniões dos Leitores

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco *