Current track

Title

Artist

Background

Laço Branco defende maior assunção da paternidade em Cabo Verde

Written by on 20/11/2020

O presidente da organização não-governamental (ONG) nacional Laço Branco de Cabo Verde (LBCV), Paulino Moniz, defendeu hoje a necessidade de uma maior assunção da paternidade em Cabo Verde, apontando ser uma das lacunas da sociedade cabo-verdiana.

Paulino Moniz fez esta declaração á margem de Dia Internacional do Homem, tendo explicado que no País a paternidade não assumida é um dos graves problemas, mas considerou que, sendo uma dimensão emocional, torna-se mais difícil a sua avaliação.

Por outro, avançou que o Dia Internacional do Homem vem sendo celebrado todos os anos, chamando a atenção sobre os desafios e orientações para uma reflexão sobre a posição do homem no mundo e na sociedade.

Referiu que, em Cabo Verde, a masculinidade passa por um desafio de redefinição daquilo que é o homem, um trabalho que deve ser feito a nível de todas as instituições e organizações que lidam com o comportamento do ser humano.

Finalizou deixando um apelo a todos os homens, no sentido de que podemos construir um mundo com uma contribuição de forma positiva e um papel importante no mundo e na sociedade.


Opiniões dos Leitores

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco *