Current track

Title

Artist

Background

FMI recomenda ao Banco de Cabo Verde correção de discrepâncias estatisticas

Written by on 04/06/2021

FMI detetou discrepâncias “significativas” no tratamento estatístico de créditos do Governo cabo-verdiano pelo Banco de Cabo Verde (BCV) e sugeriu medidas para a correção dos problemas encontrados durante a assistência técnica feita este ano.

A posição consta do relatório divulgado pelo Fundo Monetário Internacional (FMI), com data de 02 de Junho, sobre a assistência técnica em estatísticas, pedida pelo próprio BCV para apoiar a “reconciliar as contas monetárias” divulgadas pelo banco central “com as estatísticas monetárias”, para divulgação através das estatísticas financeiras internacionais e para uso interno.

No relatório, que resulta de uma missão técnica que decorreu de 18 a 29 de Janeiro deste ano, o FMI refere que na análise aos dados do banco central “as discrepâncias encontradas foram pequenas, exceto para os créditos líquidos sobre o Governo central, que são significativos”.

Explica que os depósitos, titulos e empréstimos de médio e longo prazo do Governo central no BCV “não são classificados como crédito líquido ao Governo nos dados divulgados” pelo banco central.

Sugerem ainda a adoção, até Dezembro deste ano, do novo sistema de compilação de dados sobre outras entidades de depósitos, também “para eliminar as discrepâncias” entre os relatórios divulgados pelo BCV e os dados enviados ao FMI, bem como “melhorar” o tratamento estatístico do banco central dos dados de crédito por atividade económica, utilizando para o efeito a Classificação por Actividade Económica do Instituto Nacional de Estatística (INE) de Cabo Verde.


Opiniões dos Leitores

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco *