Current track

Title

Artist

Background

Japão adia por um ano pagamento divida de 600 mil euros de Cabo Verde

Written by on 11/03/2021

Governo do Japão vai adiar, por um ano, o pagamento do serviço da dívida por Cabo Verde, no valor superior a 600 mil euros, conforme acordo que vai ser assinado na quinta-feira.

Em comunicado, o Governo cabo-verdiano explicou que o acordo insere-se na Iniciativa de Suspensão da Dívida, aprovada em 2020 pelo G20 e endossada pelos países credores membros do Club de Paris, através do Memorando de Entendimento sobre o tratamento do serviço da divida de Cabo Verde, assinado em 12 de agosto de 2020, “para ajudar” o pais “na luta contra as consequências provocadas pela pandemia de covid-19”.

O entendimento com o Japão envolve um “Acordo por Troca de Notas” e refere-se “a adiamento, por um período de um ano, do pagamento do serviço da dívida bilateral que Cabo Verde” perante as autoridades japonesas, num montante total de 78,2 milhões de ienes, equivalente a cerca 67 milhões de escudos (603 mil euros).

O acordo vai ser assinado na quinta-feira, em Dakar, entre o embaixador do Japão no Senegal, Arai Tatsuo, e o embaixador cabo-verdiano naquele país, Inácio Felino de Carvalho.

O ‘stock’ da dívida pública cabo-verdiana atingiu no final de 2020 os 255.520 milhões de escudos, equivalente a um rácio de 151,1% do Produto Interno Bruto (PIB) estimado, segundo dados oficiais noticiados anteriormente pela Lusa.

De acordo com o relatório da Conta Provisória do Estado do quarto trimestre de 2020, a dívida pública cabo-verdiana subiu 5,4% no espaço de um ano, equivalente a mais 13.171 milhões de escudos, refletindo as consequências da crise económica e sanitária decorrente da pandemia de covid-19.


Opiniões dos Leitores

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco *