Current track

Title

Artist

Background

Receitas do Estado regista quebra de 33% até Fevereiro

Written by on 06/05/2021

De acordo com dados de Ministério das Finanças, receitas do Estado cabo-verdiano caíram globalmente 33,1% até Fevereiro, face ao mesmo período de 2020, totalizando 45,6 milhões de euros, devido às consequências económicas e sanitárias da pandemia de covid-19.

Conforme dados do relatório síntese da execução orçamental até Fevereiro,este desempenho resulta essencialmente da queda na arrecadação de impostos directos e dos impostos indirectos embora com claras melhorias face aos dados de Janeiro, enquanto as receitas da Segurança Social cresceram 3,4%, face aos dois primeiros meses de 2020.

Deste modo, as receitas totais da administração central cabo-verdiana atingiram até Fevereiro os 5.046 milhões de escudos, enquanto as despesas executadas caíram 2,2% face a 2020, para 7.272 milhões de escudos.

Nas receitas, o Imposto sobre os Rendimentos das Pessoas Singulares caiu até Fevereiro 23,4%, para 812,1 milhões de escudos.

Já nos impostos indirectos, o Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) caiu 34% até Fevereiro, em termos homólogos, para 1.858 milhões de escudos .

Entretanto, sem turismo há cerca de um ano, devido à pandemia de covid-19, sector que garante 25% do Produto Interno Bruto (PIB) do pais, Cabo Verde registou uma recessão histórica de 14,8% em 2020. O PIB do país caiu para 164.911 milhões de escudos e as contas públicas registaram um défice, estimado, de 9,1% do PIB.


Opiniões dos Leitores

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco *